Sobre Nova

O grupo de investigação TERRITUR (Turismo, Património e Território) desenvolve investigação crítica e aplicada sobre o turismo na sua relação com as mudanças societais, os patrimónios natural e cultural, e enquanto fator de transformação das paisagens e dos territórios. Investigadores de várias instituições de ensino superior portuguesas integram este grupo de investigação do Centro de Estudos Geográficos, no Instituto de Geografia e Ordenamento do Território da ULisboa. A nossa atividade está integralmente alinhada com as preocupações socioecológicas do desenvolvimento sustentável e é missão do nosso grupo de investigação ajudar a traçar caminhos que contribuam para um turismo ambiental e socialmente mais responsável.

A nossa investigação organiza-se em três eixos:

1

 

Sustentabilidade do turismo e transição ecológica e digital

O objetivo desta linha de investigação é investigar e apoiar inovações ecológicas, criativas e digitais em toda a cadeia de valor do turismo. Aprofundamos temas como a descarbonização, Big Data no turismo, o papel das inovações tecnológicas (como a robótica e a realidade virtual) na prestação de serviços e na expansão do mercado (por exemplo, os nómadas digitais), e o impacto da mediação digital na interpretação do património e nas experiências dos visitantes. Também exploramos abordagens inovadoras para atenuar os impactos negativos do turismo, nomeadamente o “excesso de turismo” (overtourism).

2

 

Formas colaborativas experimentais de governança do turismo e gestão de destinos turísticos

Esta linha de investigação procura explorar novas metodologias participativas que envolvam os stakeholders do turismo e as comunidades locais no planeamento do turismo e na gestão de destinos. Em suma, nesta linha de investigação estudamos a governança do turismo e tentamos forjar e testar relações inovadoras entre turismo, planeamento, cocriação e participação comunitária.

3

 

Trabalho turístico inclusivo e decente em áreas marginalizadas

Com base no reconhecimento do papel fulcral das áreas geográficas marginalizadas na continuidade das tradições e na conservação do património local, esta linha estratégica analisa a forma como o turismo criativo pode ser aplicado a estas áreas e defende a conceção de investigação que promova políticas de turismo inclusivas e com igualdade de género, promovendo o trabalho turístico digno.

4

 

Relações entre turismo e alterações climáticas

Estamos empenhados em analisar e antecipar os efeitos das alterações climáticas no turismo, contribuindo simultaneamente para o desenvolvimento de medidas de adaptação para criar destinos mais resistentes às alterações climáticas.

O grupo de investigação TERRITUR é associado da ATLAS (Association for Tourism and Leisure Education and Research) e apoia a formação avançada do IGOT-ULisboa, designadamente no Programa Doutoral em Turismo e no Mestrado em Turismo e Comunicação. Investigadores do TERRITUR integram redes como a Acción Estratégica Turismo Post-Covid (CYTED), a PriMob-IMISCOE, e a Plataforma Nacional de Turismo.

Territur